RumoNet Viagens. Viaje pelo Brasil e o Novo Mundo!
    Fale conosco pelo telefone +55 (11) 3164-1647
    ou no e-mail contato@rumonet.com.br
    Minha contaAcessar | Registrar

Câmbio

Acompanhe a cotação das moedas internacionais e planeje melhor sua viagem.

Carregando...
fechar

CONSULTA DE ORÇAMENTO/VOUCHER

Buscar
fechar

Acesse sua conta

E-mail/Login
Senha
Esqueceu sua senha?
Entrar
Clique aqui e fale direto conosco através do WhastApp (11 3164-1647)

Machu Picchu - Peru

Machu Picchu - Peru
Voltar para o Guia de Destinos

Machu Picchu

Peru

Não necessita de vacinas

Brasileiros não precisam de visto para este destino

Idioma: Espanhol

Machu Picchu, Peru

Machu Picchu é conhecida como a cidade sagrada dos Incas. Eleita Patrimônio Mundial pela Unesco, ela possui ares místicos e está situada em uma região repleta de segredos do antigo império, atraindo visitantes de todo o mundo para uma jornada inesquecível, repleta de histórias e paisagens de cair o queixo.

Atividades

Machu Picchu é uma região repleta de pontos de visitação. As ruínas da região constituem a mais valiosa herança cultural dos Incas para o mundo moderno. As construções de pedras são enigmáticas e surpreendem pela perfeição. Difícil imaginar como um povo ergueu estruturas tão complexas em uma época em que o trabalho era basicamente artesanal e os recursos tecnológicos inexistentes.

Um dos cartões-postais do destino é a montanha Huyna Picchu, situada no ponto mais alto da região. Do topo é possível observar todo o sítio arqueológico, assim como a fantástica paisagem da região. O acesso à montanha é feito por uma trilha que sai da Praça Principal do Santuário, em uma caminhada que dura cerca de três horas, passando por um antigo templo construído pelos Incas, além de possibilitar a visão da cadeia de montanhas dos Andes e do Rio Urubamba cruzando o vale.

Gastronomia

Por ser uma região extremamente aventureira, não há muitas opções de restaurantes em Machu Picchu. O ideal é o visitante alimentar-se bem e programar a alimentação antes mesmo de seguir até o sítio arqueológico. Além dos hotéis, que oferecem refeições aos visitantes, uma boa recomendação é o Tree House, que fica no povoado de Aguas Calientes, na calle Huanacaure. O estabelecimento possui aparência rústica, mas conta com um menu de dar inveja a muitos restaurantes. Lanches, beringela, frango e risoto são os pratos mais pedidos.

Compras

As melhores opções de compra estão na cidade de Cuzco, principal ponto de encontro dos viajantes que vão a Machu Picchu. A região oferece muitas opções para quem gosta de artesanato. No Centro Artesanal de Cuzco, o viajante encontra tecidos, sapatos, bolsas, joias, pinturas e cerâmicas. Para os suvenires, a melhor indicação é o Mercado de Pisac. São muitas opções de tecidos feitos à mão, bolsas, camisas, objetos de prata, bonecas, porta-moedas, entre outros.

Como chegar

Cuzco é a cidade mais próxima de Machu Picchu, portanto, é preciso sair do Brasil, chegar à capital Lima e seguir com um voo doméstico até Cuzco. O restante do caminho é feito por terra, de preferência, por trem. Até o Peru, a partir de São Paulo, são cerca de cinco horas de viagem. O trecho interno leva mais uma hora. Lan, Taca e TAM são as melhores opções.

Melhor época

O outono é a estação mais convidativa para uma visita a Machu Picchu. Com o fim das chuvas de verão, a sensação é de um ambiente mais seco, que permanece intocável até meados de agosto. É o período ideal para as trilhas.

Informações adicionais

Moeda: nuevo sol

Visto: brasileiros não precisam de visto para entrar no Peru

Saúde: vacinas não são exigidas

Fuso horário: atrase o relógio em duas horas

Conheça nossos pacotes
Machu Picchu
Peru